Transporte

Crise deve adiar de novo prazo de entrega de obras da Copa

Fonte: Olhar Direto
0
Views:
0

A forte crise econômica pela qual passa o país também deve afetar o andamento das obras da Copa do Mundo de 2014. O secretário de Cidades, Eduardo Chiletto, disse na manhã desta quinta-feira (13) que a situação não é favorável e que o cronograma de obras terá de ser retrabalhado. Porém, ele ainda ressaltou que todos os projetos que fizeram parte do Termo de Ajustamento de Gestão (TAG) tem de ser finalizados até meados de 2017.

“Claro [deve atrasar]. Estamos trabalhando com uma crise muito forte. O governo teve que pagar 90% da folha até o dia 30 e o restante até o dia 10. Todo recurso está sendo drenado para lá, o investimento está muito pequeno. O cronograma de obras terá de ser retrabalhado para que possamos ter recurso e aportar”, disse ao Olhar Direto o secretário.
 
Chiletto ainda afirmou que existem obras que são prioritários e não terão o seu cronograma alterado: “O Aeroporto Internacional Marechal Rondon é uma delas. Por isso, não vamos mexer no cronograma de obras por lá. Queremos entregar até meados de novembro toda a parte de embarque e desembarque pronta para a população”.
 
As obras que terão os cronogramas refeitos serão as que “não atrapalham muito a vida do cidadão”, consideradas de menor prioridade pelo secretário. Porém, ele ainda não soube quais delas terão o prazo de entrega modificado.
 
“Estamos trabalhando todo o planejamento. Estive reunido com o governador ontem (12), falando sobre esta questão da crise. O prazo do TAG vence em meados de 2017, até lá as obras precisam ficar prontas. Portanto, a data de entrega será delatada, mas não tanto”, finaliza o secretário.

Confira abaixo todos os TAGs assinados pelo Governo do Estado:


Transporte