Transporte

Emanuel recebe prefeitos da Baixada Cuiabana para debater fortalecimento da região

Fonte: Da Redação
0
Views:
4

O Sistema Unificado Estadual de Sanidade Agroindustrial Familiar e de Pequeno Porte (Susaf-MT) foi debatido na tarde de sexta-feira, 7, no Palácio Alencastro, durante a reunião proposta pelo prefeito Emanuel Pinheiro. Prefeitos e representantes dos 13 municípios da Baixada Cuibana discutiram estratégias para fortalecer o desenvolvimento na região.

Pinheiro afirmou ser prioridade estabelecer políticas públicas para a Baixada, que representa quase 35% da população do Estado, com pouco mais de 1 milhão de habitantes.

“A representatividade política da Baixada diminuiu ao longo dos anos. Com isso, perdemos as prioridades e o crescimento econômico do interior do Estado avançou e infelizmente nós não ganhamos com isso, mesmo tendo efetiva participação neste desenvolvimento. Temos que dar um primeiro passo, que é unir as cidades da Baixada Cuiabana e articular juntos o planejamento de expansão e retomada do protagonismo do Estado “, disse Emanuel.

Para o presidente do Consórcio dos Munícipios do Vale do Rio Cuiabá (VRC) e prefeito de Rosário Oeste, João Balbino, é preciso unir os municípios para buscar os recursos necessários. Uma das primeiras ações é promover licenciamento ambiental destas cidades junto a Secretaria Estadual de Meio Ambiente (SEMA), já que o turismo é fonte econômica de grande parte destes municípios. 

“Temos que levar a discussão acerca do licenciamento ambiental e inspeção sanitária. A Baixada Cuiabana possui muitos pontos turísticos como cachoeiras, cavernas e trilhas que estão interditadas, afetando economicamente o turismo de cidades como Chapada dos Guimarães e Nobres, além de outros aspectos. É preciso focar naquilo que sabemos fazer: turismo e agricultura”, pontuou o presidente do Consórcio.

Pinheiro explicou que alguns municípios têm vocação para a produção, por meio da agricultura familiar, enquanto a metrópole tem o mercado consumidor. Este é o segundo foco para impactarmos, mas antes é preciso simplificar a Lei 10.502, de 18/02/2017, do Susaf, para colocar em prática a comercialização da produção agroindustrial, inspecionadas pelo Serviço de Inspeção Municipal (SIM) em todo o Estado e não mais apenas no município de origem.

A comitiva de prefeitos destacou a a iniciativa de Emanuel Pinheiro em convocar a reunião, principalmente pelo fato do gestor ter grande força política, o que representa fortalecimento na busca dos recursos junto ao governo federal. Um novo encontro já foi marcado para a próxima semana.

Estiveram presentes na reunião os prefeitos de Chapada dos Guimarães, Telma de Oliveira; Jangada, Ederzio de Jesus Mendes; Nobres, Leocir Hanel; Nossa Senhora do Livramento, Silmar de Souza; Poconé, Atail Marques; Santo Antônio do Leverger, Valdir Pereira de Castro Filho e os secretários de Governo de Cuiabá, Carlos Roberto Costa; Meio Ambiente de Várzea Grande, Hellen Farias Ferreira; Agricultura de Planalto da Serra, Jarbas de Souza e Agricultura de Chapada dos Guimarães, Paulo Ferrari.

O consórcio é formado pelas cidades de Rosário Oeste, Nobres, Acorizal, Nova Brasílândia, Planalto da Serra, Chapada dos Guimarães, Cuiabá, Várzea Grande, Nossa Senhora do Livramento, Jangada, Santo Antônio do Leverger, Poconé e Barão do Melgaço.

Transporte