[pro_ad_display_adzone id="9377"]

Estado prorroga contratos com empreiteiras em obras da Copa

Fonte: Folhamax
0

O governo do Estado prorrogou por 60 dias dois contratos mantidos com a construtora Agrienge S/A, responsável pela execução de duas obras que estavam previstas para conclusão total ainda na Copa do Mundo de 2014. A previsão é que dois contratos de obras ainda inacabadas encerrem somente em setembro deste ano.

A primeira prorrogação autorizada pela Secretaria de Estado de Cidades, conforme publicado no Diário Oficial do Estado (DOE) que circula neste sábado (23) é referente a rodovia Mário Andreazza.

Com 9,4 quilômetros de extensão, a obra também fazia parte do pacote de construções previstos para a Copa do Mundo, porém não foi entregue no prazo. Conforme contrato 200/2011, a via deveria ter sido conclusa em 360 dias, ou seja, até novembro de 2012.

A obra de pavimentação e restauração da rodovia MT-444 (Mário Andreazza), que mesmo sem ter sido finalizada foi liberada para trânsito pela gestão anterior, compreende trecho entre a Avenida Miguel Sutil e o Trevo do Lagarto, em Várzea Grande. A obra, que inicialmente tinha custo de R$ 21,238 milhões, tem um total atual de R$ 26,244 milhões.

Considerada uma das principais rotas de integração entre Cuiabá e Várzea Grande, a Rodovia Mário Andreazza também é uma das vias que contribui para ligação da Capital com outros municípios de Mato Grosso pelo Trevo do Lagarto, em Várzea Grande. Além disso, a travessia auxilia no deslocamento para o centro de Várzea Grande, fazendo com que os motoristas não enfrentem fluxo intenso de veículos pela região central das duas cidades.

Ainda foi prorrogado por 60 dias com a construtora Agrienge S/A. Trata-se da duplicação da Estrada da Guarita que tem 8,4 quilômetros de extensão e está ligada à Rodovia Mário Andreazza, que foi recentemente entregue pela atual gestão estadual.

Com custo total de R$ 33,4 milhões, a previsão era de que a obra em Várzea Grande fosse finalizada ainda no ano de 2013.

Íntegra dos extratos:

Extrato do Décimo Terceiro Termo Aditivo Contratual nº 200/2011/01/13/ SECOPA/SECID; Processo 320628/2016; 

Objeto do Contrato: Pavimentação e restauração da rodovia MT – 444 (avenida Ciryaco Fortunato Cândia/Av. Mário Andreazza), trecho: avenida Miguel Sutil – Entº BR -364/163/070 (trevo do lagarto), com extensão de 9,417 km, com a duplicação da passagem (ponte) sobre o rio Cuiabá. 

Objeto do Termo: 1.1. O presente termo aditivo tem a finalidade de aditar o prazo de vigência do contrato nº 200/2011/00/00/SECOPA/ SECID. 

2.1. Fica aditado na CLÁUSULA TERCEIRA, item 3.5. 

Vigência um período de mais 60 (sessenta) dias, após está alteração o término do prazo de vigência será em 08/09/2016. 

Partes: CONSTRUTORA AGRIENGE LTDA e a SECRETARIA DE ESTADO DAS CIDADES.

Extrato do Décimo Segundo Termo Aditivo Contratual Nº 020/2012/01/12/ SECOPA/SECID; Processo nº 320624/2016; 

Objeto do Contrato: Execução da Obra de Duplicação da Estrada da Guarita, trecho compreendido entre o entroncamento com a Avenida Ulisses Pompeu de Campos e Passagem da Conceição, totalizando 8.472,39 metros de extensão, localizado nos Bairros Guarita I e II, município Várzea Grande-MT; Objeto do Termo: 1.1. 

O presente termo aditivo tem a finalidade de aditar o prazo de vigência do contrato nº 020/2012/00/00/SECOPA/ SECID. Fica aditado na CLÁUSULA SEXTA, 

item 6.1. Vigência um período de mais 60 (sessenta) dias, após está alteração o término do prazo de vigência será em 22/09/2016. 

Partes: CONSTRUTORA AGRIENGE LTDA e a SECRETARIA DE ESTADO DAS CIDADES.

[pro_ad_display_adzone id="9377"]