[pro_ad_display_adzone id="9377"]

Exposições marcam Dia Nacional das Artes

Fonte: Cuiabá 300
0

Em comemoração ao Dia Nacional das Artes nesta sexta-feira (12.08), museus e galerias mato-grossenses expõem o que há de melhor no cenário cultural do Estado. Administrado pela Secretaria de Estado de Cultura, o Museu de Arte de Mato Grosso encanta o público com a Mostra “Cinco Elementos do Cerrado”, do fotógrafo Tchélo Figueiredo.

Até 04 de setembro, a população pode conferir a coleção de 25 fotos, no jardim e espelho d’água do Museu. Tchélo expõe seu olhar e experimentações estéticas a partir da perspectiva regional, com a poética do nu artístico, e conta ainda com intervenção especial do artista plástico Adir Sodré. “A ideia é que as mulheres que representam a pluralidade de traços femininos destaquem-se como deusas em meio aos cinco elementos do cerrado, numa intervenção desenvolvida pela busca constante de referências estéticas na poética visual”, explica Tchélo.

O Museu de Arte de Mato Grosso, administrado via contrato de gestão com a Secretaria de Estado de Cultura (SEC-MT), está situado na rua Barão de Melgaço, n 3565, Centro. Outras informações podem ser obtidas pelos telefones (65) 98425-1443 e/ou (65) 3025-3221. A entrada é franca.

Se por um lado o Museu de Arte abre as portas para o nu artístico de Tchélo Figueiredo, de outro o Museu Histórico de Mato Grosso apresenta para os curiosos de plantão a exposição “Mundo dos Selos” e a Oficina Filatélica. A organização ficou a cargo dos Correios, numa parceria com o Clube Filatélico.

Já o Palácio da Instrução, em Cuiabá, expõe o 25º Salão Jovem Arte Mato-grossense até o dia 25 de setembro. A mostra empolga o público com um conjunto de obras inéditas de 40 artistas selecionados que residem em Mato Grosso. Com homenagem ao artista plástico cuiabano João Sebastião, morto em fevereiro, o objetivo da mostra é resgatar a memória e a história das artes visuais no estado, fomentar, reconhecer e revelar novos talentos, provocar e instigar os artistas, veteranos e iniciantes a produzirem bons trabalhos. O Salão Jovem Arte é um projeto da Secretaria de Estado de Cultura (SEC) e foi retomado este ano. Outras informações pelo telefone (65) 3025-3221.

Colecionadores, cristões e amantes da arte com viés religioso podem no Museu de Arte Sacra a exposição que tem o crucifixo de tema central. O acervo composto por exemplares da antiga Catedral do Senhor Bom Jesus de Cuiabá, Igreja do Rosário e São Benedito, além de itens pessoais de Dom Aquino Corrêa, revelam riqueza dos estilos, materiais e períodos. A mostra segue até o dia 6 de setembro.

Intitulada “Cruzes e Crucifixos: símbolos da fé”, a exposição tem peças dos séculos 18, 19 e 20, em diferentes materiais como metal, madeira e papel machê. As obras são: um conjunto de altar, sete crucifixos de mesa, dois de parede e cinco cruzes.

Aberto a visitação de terça-feira a domingo, das 9 às 17h, o Museu de Arte Sacra de Mato Grosso está situado na avenida Clovis Hugney – Complexo Nossa Senhora da Conceição, n°: 239, no bairro: Dom Aquino, em Cuiabá.

[pro_ad_display_adzone id="9377"]