Transporte

Ideb: MT comemora melhora no desempenho

Fonte: Cuiabá 300/Gcom
0
Views:
1
O governador Pedro Taques comemorou a melhora no desempenho de Mato Grosso na avaliação do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb). Conforme o Ministério da Educação (MEC), em 2015, o Estado melhorou em todos os níveis analisados em relação a 2013, data de divulgação do último estudo.
 
De acordo com os dados do MEC, Mato Grosso superou a meta estabelecida para os anos iniciais (1º ao 5º ano) e anos finais (6º ao 9º ano) do ensino fundamental. No ensino médio, apesar de não alcançar a meta estipulada, a rede melhorou, após anos de queda nos índices.
 
Segundo o MEC, no ensino fundamental anos iniciais, a rede estadual superou a meta estabelecida pelo MEC, que era de 4,9, alcançando a nota 5,6. Esta nota é 0,5 ponto superior ao índice verificado em 2013, que foi de 5,1. No fundamental 2, anos finais do ensino fundamental, o Estado também ultrapassou a meta estabelecida, que era de 4,1 e ficou com a nota de 4,5.
 
No ensino médio, apesar de ficar abaixo da meta estipulada pelo MEC, a rede estadual avançou de 2,7 pontos para 3,0. A meta estipulada para 2015 era de 3,5.
 
Taques ressaltou que a Educação é um dos pilares da sua gestão e por isso o Estado tem concentrado esforços para melhorar a qualidade do ensino, seja capacitando os professores e gestores das unidades escolares ou concedendo melhores condições para os estudantes.
 
“Estamos há apenas um ano e oito meses à frente do Estado, mas além de nós, somente quatro estados avançaram nas metas para o ensino fundamental: Goiás, Ceará, Amazonas e Pernambuco. Conseguimos subir da 14ª para a 9ª colocação nacional na avaliação do ensino fundamental I e subimos do 5º para o 2º lugar no fundamental II”.
 
Segundo o governador, os resultados são os primeiros frutos das políticas públicas que foram implantadas e fortalecidas no período, como a realização de seminários e capacitações nos Centros de Formação e Atualização de Professores (Cefapro), o programa de alfabetização e o “Ideb MT”, Programa de avaliação individual dos alunos das escolas públicas de Mato Grosso.
 
O Estado ainda conseguiu que 25 mil alunos da rede estadual de ensino, que cursam o último ano do ensino médio, tivessem acesso gratuito a uma plataforma que oferece plano personalizado de estudos para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem).
 
Taques destacou que a Secretaria de Estado Educação, Esporte e Lazer (Seduc) está preparando um novo projeto, chamado Pró-Escolas, que contemplará os eixos Estrutura, Ensino e Inovação. O projeto deverá será lançado nas próximas semanas. O Estado também está desenvolvendo políticas públicas para que as escolas se tornem mais atrativas para os alunos.
 
“Desde o início da gestão mudamos a forma de pensar a Educação e começamos a implementar políticas públicas para incentivar tanto os alunos a estudar quando os professores a lecionar. Estamos investindo na ampliação de projetos ligados à tecnologia e educomunicação para melhorar ainda mais a educação e permanência dos alunos em sala. Agora colhemos os primeiros sinais deste árduo trabalho. Estamos felizes, porém não satisfeitos, esperamos que em 2017 alcancemos números ainda melhores”, afirmou.
 
Ideb
 
O Ideb é um indicador geral da educação nas redes privada e pública, criado em 2007 pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep). O MEC calcula a relação entre rendimento escolar (taxas de aprovação, reprovação e abandono) e desempenho no Sistema Nacional de Avaliação da Educação Básica (Saeb) e Prova Brasil, aplicadas para os estudantes. O índice é divulgado a cada dois anos e tem metas projetadas até 2021.
Transporte