[pro_ad_display_adzone id="9377"]

Cine Teatro Cuiabá reabre pela enésima vez

Fonte: s
1

O Cine Teatro Cuiabá vai ser reaberto na próxima quarta-feira, 3 de agosto. Mais uma reinauguração, reestreia, reabertura… Não consigo lembrar-me de quantos eventos iguais já se passaram desde que entrei pela primeira vez no Cine Teatro Cuiabá no longínquo ano de 1963, durante o período de carnaval. Quem me levou ao cinema foi minha mãe, Dona Josefa, e como me lembro de tudo isso? Porque foi nesse dia, assistindo ao filme que senti a necessidade de se aprender a ler e depois da sessão fomos ver o desfile dos cordões e blocos de mascarados. As escolas de samba viriam depois.

O evento deste três de agosto vai entrar para a galeria… Ops, ainda existe a galeria de placas comemorativas no foyer do Cine Teatro? A penúltima inauguração, puxo pela memória, foi ainda no governo Blairo Maggi, em 2009, com recursos do Ministério do Turismo. Imagina. O Cine Teatro de Cuiabá foi inaugurado em 23 de maio de 1942, durante o Governo Júlio Muller e fazia parte do conjunto de “obras oficiais” do Estado. Ele tem capacidade para 600 pessoas

Agora o cine Teatro volta em uma parceria com a Associação Cultural Cena Onze, a nova gestora do CTC. A Associação Cultural Cena Onze surgiu como um grupo de teatro em 1989, atendendo também as necessidades de ações culturais voltadas

para as comunidades carentes em Cuiabá e região. Ao longo dos anos foram dezenas de espetáculos encenados, mais de 2 mil alunos de teatro, dança, música, artesanato, pintura, e um profícuo trabalho na área social, bem como a monagem de grandes espetáculos notadamente a Paixão de Cristo, que já entrou para o calendário cultural de Mato Grosso.

Silvana Córdova, da assessoria da entidade, diz que a Cena Onze vem com uma nova proposta de gestão, como primeiro ponto em destaque o Cine Teatro irá ficar aberto de terça a domingo, a partir das 9h até o final dos eventos que vão acontecer. O segundo ponto é a parceria da Cena Onze com a Associação dos Artistas Amigos da Praça, uma organização social de cultura ligada à Secretaria de Estado da Cultura de SP e que é responsável pela gestão da SP Escola de Teatro – Centro de Formação das Artes do Palco, que tem como foco o ensino continuado em oito áreas das artes cênicas, além da promoção de cursos livres e recepção de espetáculos de teatro, dança e circo.

Segundo a Silvana, é a primeira vez que a SP Escola de Teatro irá realizar cursos fora de São Paulo e esses cursos, aqui em Mato Grosso, acontecerão durante o ano inteiro e aqui vai se chamar MT Escola de Artes, escola que será inaugurada em setembro.

Neste mês de agosto será, digamos, o da inauguração e programação se inicia no próprio dia três, com a apresentação do espetáculo “Romeu & Julieta”, uma produção da própria Cena Onze. Daí pra frente será uma sequência de apresentações das mais variadas, com envolvimento de mais de 100 artistas. Os ingressos neste mês de agosto, em todos os espetáculos, serão dois quilos de alimentos não perecíveis, que serão repassados à SETAS – Secretaria de Estado de Trabalho e Assistência Social.

Como funcionará a gestão do Cine Teatro e qual é o planejamento da SEC para este equipamento? Vejam o que diz o secretário Leandro Carvalho, grande idealizador do projeto:

– O princípio que move toda gestão compartilhada é a busca de uma melhor qualidade nos serviços entregues ao cidadãos. Isso se aplica ao Cine Teatro, bem como aos demais equipamentos culturais geridos desta forma, como os museus e a Orquestra do Estado. A novidade para o Cine Teatro é que partir de agora, além de espaço de difusão artística, será também um centro de formação nas artes do palco. A proposta apresentada pelo Cena Onze prevê ainda a retomada do espaço como cinema, apresentando conteúdos especiais e não acessíveis no circuito comercial. O cidadão usuário também poderá contribuir com críticas e sugestões através do canais constituídos para este fim e das pesquisas ministradas após os espetáculos, cursos, exposições e outras atividades desenvolvidas nos equipamentos. A programação a ser desenvolvida entre 1º de setembro e 18 de dezembro deste ano será elaborada a partir de um chamamento público que está aberto à inscrição até o dia 20 de agosto. Artistas de todas as linguagens interessados em fazer parte da programação do CTC entre 1º de setembro e 18 de dezembro deste ano, podem participar do chamamento público para a ocupação do espaço, inscrevendo projetos de acordo com o edital disponível no site da SEC. O espaço também pode ser utilizado para eventos corporativos e institucionais.

A reabertura do Cine Teatro, por iniciativa do secretário Leandro e com gestão a cargo desse incansável animador cultural que é o professor Flávio Ferreirra é um acontecimento que merece mesmo uma grande festa. Todos ao Cine Teatro, no dia 3, portanto. A festa é nossa.

[pro_ad_display_adzone id="9377"]

1 COMENTÁRIO