Infra
Bic Banner

Com R$ 200 milhões em caixa, Governo deve retomar o VLT em julho, diz Secid

Fonte: RD News
0
Views:
19

O secretário estadual de Cidades (Secid), Wilson Santos (PSDB), afirma que o governo tem R$ 193,4 milhões para começar as obras do VLT nos próximos meses. A intenção é a partir de julho dar o “ponte pé” inicial no trecho do aeroporto Marechal Rondon, em Várzea Grande, até o bairro Porto, em Cuiabá, num prazo de até 10 meses.

Segundo ele, a previsão é inaugurar esse trajeto até 31 de março de 2018 e chegar no CPA em 31 de dezembro, completando a primeira linha. Paralelo à construção, o objetivo é trabalhar uma Parceria Público-Privada (PPP) para operar o modal. 

“O Estado não tem interesse em operar. Nós só vamos operar o VLT na fase de testes, a chamada marcha branca, na qual teremos nossos técnicos contratados para operar provisoriamente. Mas a partir do momento que inaugurar o VLT, em 2019, o Estado não vai nem tem interesse de contratar empresa para fazer. Nós vamos terceirizar a operação”, explica.

Em relação à taxa cobrada na passagem, Wilson diz que será a tarifa única do transporte coletivo, mas diz que como é um modal deficitário financeiramente então será feito um subsídio, que, segundo ele, nos valores de março de 2016 era de R$ 38 milhões/ano. “O Estado vai por R$ 38 milhões, valor calculado de março de 2016, para subsidiar a tarifa do VLT”.

Em relação à decisão do juiz federal substituto em exercício na 1ª Vara de Mato Grosso, João Moreira Pessoa de Azambuja, em dar prazo de 25 dias para o Ministério Público Federal se manifestar sobre o acordo firmado entre o Estado e o Consórcio VLT Cuiabá/Várzea Grande, Wilson diz que em nada afeta o projeto. “Não tem nada fora do escopo nosso. Está tudo dentro do previsível.”

O secretário esclarece que o governo continua inteiramente à disposição, inclusive, segundo ele, se os Ministérios Públicos precisarem de algum esclarecimento, documento ou convocar técnico da Secid, da Procuradoria Geral do Estado, da Controladoria ou até da KPMG.

Empréstimo

Wilson afirma que esteve com o presidente Michel Temer (PMDB) e que ele deu sinal verde para a Caixa Econômica Federal liberar o empréstimo para a conclusão do modal. “A Caixa já reservou os recursos, então só precisamos da lei autorizativa para completar o pacote de documentação exigida pelo banco”, ressalta.

Neste sentido, explica, a Assembleia vai analisar com rigor e tempo necessário os documentos que serão entregues pela Secid e acredita que os deputados vão conceder a autorização para o empréstimo.

Painel informativo

Em entrevista à Rádio Capital na manhã de hoje, o procurador geral do Estado Rogério Gallo comentou que há uma ideia para a instalação de um painel informativo na Ilha da Banana, em Cuiabá, que demonstre o andamento das obras. "Foi criado por esse termo de acordo algo que não existia no contrato que é uma central de gerenciamento de riscos, onde vai estar presente o estado, convidamos o MP, estará a gerenciadora da obra e também o Consórcio. Toda semana terá que ter reuniões, nós vamos antecipar todos os eventos. Não haverá possibilidade da empresa enganar a população”.

Infra
Bic Banner